Critérios...




Li num blog da concorrência a seguinte pergunta: "Hilário não é titular do seu clube e tem 34 anos! Como se justifica a sua chamada à Selecção?!"

Apetece-me por isso "esmiuçar" este assunto. Vejamos:

Liedson é chamado... Nuno Gomes fica de fora "porque não é titular". Até aqui tudo bem. Demonstra critério. E todos sabemos que o Carlos gosta de critérios.

Quim é titular... Hilário é chamado. Mau! Então o critério? Pois é, o único que me ocorre é ser ou não do Benfica.

Ora bem, não sendo o critério o facto de jogar ou não jogar no Benfica(vês Carlos? também sou capaz de ser simpático para ti e julgar que não és influenciável...), qual será então? Empresário? Ordens "superiores"? Influências externas ao organismo Federativo? A mim, que não sou parvo, cheira-me a esturro...

Afinal não há critério nenhum. Há apenas um homem que teima em entupir os nossos ouvidos e olhos com uma verborreia tacanha e com constantes péssimas exibições do nosso seleccionado.

Já agora em resposta ao bloguista JNF que faz uma série de perguntas pertinentes aqui, deixo aquela que penso ser a melhor resposta:

Queiroz é mais do mesmo. É o de sempre. É soturno. Escuro. Desmotivador. É antigo. É "démodé". Faz-nos ter saudades. Saudades de um tempo em que os seleccionadores nacionais não se comportavam como meninas e resolviam os problemas como homens a sério... Ao murro!

Parece-me também que o sub-rendimento da nossa selecção e a forma displicente como alguns jogadores encararam a 2.ª parte do jogo contra a China é directamente proporcional à forma displicente como o Prof.º com apelido de artista literário (mas com z) desvalorizou e criticou os assobios no final da partida. Quanto a mim se algo é directamente proporcional a outra coisa, isso quer dizer que se influenciam na mesma proporção... Veremos se esta proporcionalidade resulta num bom ou num mau desempenho na África do Sul.

PS: Obrigado ao jornal "O Indesmentível" pela foto que lhes surrupiei... Para quem quiser visitar aqui fica o link.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

BPMN can bring death to your process data

5th November 2016 - Frankfurt - She is in parties

26-08-2016 - Cape Town - Return to Zuid Afrika