Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2009

A Espuma

Imagem
O Livro recentemente publicado por Adriano Moreira criou-me bastante expectativa dado o percurso político do Professor. Foi Ministro do regime ditatorial onde ficou encarregue da gestão da política ultramarina, foi líder do CDS e é considerado nestes últimos tempos um dos últimos “Senadores” Portugueses.

Tendo em atenção que se trata de um livro de memórias, temos de respeitar a opção da redacção escolhida e dos temas abordados, contudo penso que se trata de uma oportunidade perdida dada as experiências pelas quais o Professor passou.

Numa altura em que existe algum revivalismo dos tempos da ditadura e do pós 25 de Abril fruto de muitas publicações sobre esses períodos feitos por historiadores, estudiosos ou por outros intervenientes nos diversos períodos políticos Portugueses estaria á espera que nos fosse trazido o que se passou e porque se passou por quem lá passou.

O Livro começa com alguma ternura sobre o tempo em que se relata as origens Transmontanas e a passagem para a cidade de…

Lean startups find their moment

Check this out:

http://venturehacks.com/articles/lean-startups

This a clear distortion to get commercial advantage on selling consulting services.

Soluções para a pressão econ./financeira?

Luz?
Haverá de facto uma luz ao fundo do tunel?
E se houver essa luz é a saida da "pressão" economica/financeira ou é o comboio que vem ai?
Quais as conclusões sociais, económicas, politicas, mesmo de indule humana que se podem retirar de tudo "isto?
Já passaram cerca de 6 meses ou mais e?....
Em Portugal o que aconteceu? Quais os responsáveis encontrados?
No Mundo Ocidental em geral? como se resolveu e como se encontraram meios de resolução para toda esta situação?
Sem entrar em muitos detalhes facimente verificamos que um pouco por todo o lado ( e Portugal assim o fez também ) a solução consistiu basicamente em tentar a todo o custo manter toda a estruturação económica/financeira/politica tal e qual como estava, criando um enorme endividamento para o futuro, e tentando - um pouco á maneira de todos os seres humanos -que o tempo por si só resolva os problemas.
Imaginando que há decadas que se atirava o lixo para debaixo do tapete, agora que o tapete se levantou, e se viu o lix…

Lembram-se da Borland?

An anonymous reader tips news that Micro Focus is in the process of buying Borland Software for $75 million. They also picked up Compuware's application testing and automated software quality business. Quoting ZDNet: "The boards of both companies agreed to the deal, which is expected to complete around mid-2009. ... In 2008, Texas-based Borland made a pre-tax loss of $204m, almost four times the size of the previous year's loss. It had revenues of $172m, part of a consistent downward trend since at least 2004. ... Borland was one of the oldest software companies in the PC software business, having been founded in 1981. Its most successful era was in the late 1980s via massive sales of Sidekick, a DOS-based terminate-and-stay-resident personal productivity application, and development tool Turbo Pascal, which challenged Microsoft's dominance in the application-development market."

The end of offshoring

Artigo publicado por Douglas Macbeth sobre o trade-off entre fabricar produtos e fornecer serviços em países onde os custos são mais baratos.

Faz-me lembrar há uns anos atrás, quando a Maytag (USA) estava com problemas com a Whirlpool que produz os produtos na Alemanha mais baratos, apesar dos custos de mão-de-obra, transportes marítimos, armazenagem serem mais elevados. As vendas da Maytag desceram.

Isto significa que, por vezes, o melhor processo ganha.

O artigo está disponível em http://blog.procurementleaders.com

In this latest guest post, Douglas Macbeth of the University of Southampton School of Management argues that western economies can no longer afford to pursue a strategy of relentless offshoring - the costs and the risks are far too high...
Let us start with a few propositions which, in my experience, describe the majority of our manufacturing organisations – as well as many others.
• Procurement isn’t well understood at board level;
• There are not enough CPOs who are ab…